ENTRE EM CONTATO

  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone Instagram

Evandro Lima

Iniciou sua carreira no departamento de som direto para cinema em 2001. Trabalhou em mais de 50 longas-metragens, entre eles: "Tropa de Elite" 1 e 2 de José Padilha,  "Ensaio sobre a Cegueira" de Fernando Meireles, “Linha de Passe" de Walter Salles, "Era Uma Vez Eu, Veronica" de Marcelo Gomes, “Até que a Sorte nos Separe" 1, 2 e 3 de Roberto Santucci, ”Casa Grande” de Fellipe Barbosa,  “Brincante” de Walter Carvalho e “Quase Memória” de Ruy Guerra. Também participou de muitos filmes publicitários e programas de televisão.

 

Como diretor, realizou videoclipes e vídeos para a Internet, que juntos somam mais de 20 milhões de visualizações. Como produtor, fez o comercial “Coca-Cola – A Mãe do Juiz” e os longas “A Arte Urbana” e “Pulmão da Arquibancada”.

 

Já recebeu mais de 10 prêmios em sua carreira. Em 2010, recebeu o Prêmio de melhor Som Direto no Festival de Brasilia com o curta-metragem “Matinta”. Foi premiado 2 vezes no Festival de Conservatória, tendo recebido o prêmio de Melhor Som Direto com o longa-metragem “Era Uma Vez Eu, Veronica” em 2013 e com o curta-metragem “Por Isso Sou Estrangeiro” em 2014, entre outros.